Najuá Informações

Descrição

Rádio Najuá de Irati Ltda – Super Najuá FM

Freqüência: 92,5 MHz
Classe A2

FM Rádio Pérola do Sul Ltda – Najuá FM

Freqüência: 106,9 MHz
Classe: A3

Área de abrangência

  • Cruz Machado
  • Fernandes Pinheiro
  • Guamiranga
  • Imbituva
  • Inácio Martins
  • Ipiranga
  • Irati
  • Ivaí
  • Mallet
  • Prudentópolis
  • Rebouças
  • Rio Azul
  • Teixeira Soares
  • Interior de Palmeira
  • Interior e bairros de Ponta Grossa
  • Proximidades de União da Vitória

Audiência site 


Audiência rádio no ar  e  facebook    

Cidades de onde vêm os acessos

Comportamento


História

São duas emissoras

Em maio de 2017 a Rádio Najuá AM 990 KHz completou 39 anos e em agosto, com a formalização do processo de migração, passou para FM em 92,5 Mhz, Super Najuá. 

A Najuá FM 106,9 MHz completou 28 anos em junho de 2017.

Entrevistas, abordagem de assuntos locais discutidos com seriedade, profundidade e alto envolvimento social, lhe conferiram alta credibilidade, ao longo dos anos na Região. O Noticiário Meio Dia em Notícias está no ar desde o princípio, agora em 92,5, pela Super Najuá.

O currículo de Nagib Harmuch, fundador.

Só tinha o primário e nunca participou de cursos de formação, mas a falta de estudo formal não interferiu na sua caligrafia. Registros à mão feito por ele estão preservados no acervo das rádios e comprovam a beleza de sua escrita. Mas o dom de Nagib não era para as letras e sim para a voz. Sua formação veio com a vida e tudo o que aprendeu foi com o próprio trabalho.

Desde o início o rádio cruzou seu caminho. Jovem, foi um dos primeiros locutores da pioneira Rádio Difusora de Irati, mais tarde trabalhou como motorista de caminhão. Já iniciando os primeiros passos para realizar seu grande sonho de ter uma emissora, exerceu a função de administrador de uma grande fazenda agrícola.

Ele deu muito duro para ter sucesso em seu empreendimento, mas não se limitou aos anseios particulares. Sua trajetória mudou a partir de 1º de maio de 1978 quando a Rádio Najuá AM foi ao ar. A partir do rádio, Nagib colocou em prática todo seu potencial natural a favor da sociedade. Desenvolveu várias interfaces de comunicação transformando o jornalismo das emissoras em um verdadeiro canal da população com o Poder Público.

"Dar voz a quem não é ouvido, aos mais necessitados, ao povão", dizia. Apoiado pelo irmão mais velho, Elias Harmuch, com vasta experiência anterior, ele criou a “Voz do Povão”. Autoridades, empresários e políticos sempre tiveram formas de se fazerem ouvidos, chegava a hora de equilibrar as condições dando voz ao povo. A comunidade entendeu a proposta e o quadro virou xodó do seu Nagib, que se alongava nas conversas formando fila na porta da emissora.

Com um jeito simples e descontraído ele se misturava às pessoas em festas de igreja no interior e na cidade. Algumas vezes falava duro, quando precisava uma repreensão. Sua relação com a comunidade era autêntica porque ele fazia parte de tudo.

Não deixou obras públicas edificadas, seu legado foi subjetivo. Nunca ocupou cargo eletivo, sua política era cuidar da cidade. Tudo o que era interesse da cidade era seu também. Acompanhava as notícias do mundo pelo radinho de pilha, que também foi seu grande professor. Soube fazer do rádio a expressão do mais digno propósito: servir de meio para auxiliar o povo em todos os sentidos. Ele foi brilhante, seu pensamento virou filosofia e vem contaminando os colaboradores até os dias de hoje. 

Que o legado de Nagib Harmuch se perpetue. A Rádio Najuá é do Povo.

A frase que ele gostava de repetir continua indo ao ar diariamente: “Um homem bem informado tem maiores possibilidades na vida”.


Enquete

Supermercados abertos em domingos e feriados é uma boa ideia?

  • não
  • sim
Resultados