Irati e Região / Notícias

10/01/18 - 22h03 - atualizada em 10/01/18 às 22h08

Prefeitura de Teixeira Soares esclarece valor do salário pago a professores da rede municipal

Segundo o Executivo, prefeitura paga o valor estabelecido pelo piso nacional da categoria

Da redação

Após a divulgação de uma reportagem, com dados obtidos pelo jornal Gazeta do Povo, sobre o valor do salário pago aos professores da rede municipal de ensino das 399 cidades do Paraná, a Prefeitura de Teixeira Soares divulgou uma nota esclarecendo o assunto.

Segundo a nota, o município possui Plano de Carreira do Magistério (Lei 1709, de 2015, publicada no portal do município), que determina o salário-base para professores e a evolução da carreira destes profissionais. De acordo com a legislação, o salário-base em Teixeira Soares para professores com carga horária de 20 horas é de 1.520,54, acima do piso nacional, e para profissionais com carga de 40 horas, o valor corresponde ao piso nacional, de R$2.298.80.  

No entanto, a nota cita que o valor que consta na reportagem publicada nos sites da Najuá e da Gazeta do Povo, de R$952,12, refere-se a um cargo em extinção, de provimento de concurso público, cujo ocupante tem apenas o Ensino Médio (Magistério). Segundo a prefeitura, soma-se ainda a este valor a diferença de reenquadramento, que é de R$197,28, em decorrência da implantação do Plano de Carreira do Magistério. No total, o salário chega a R$1.149,40 (piso nacional).

Os salários dos professores podem ser obtidos no Portal da Transparência de Teixeira Soares.  

Dados da região 

O jornal Gazeta do Povo divulgou dados dos salários pagos aos professores da rede municipal de ensino em todo o estado.  

Em Irati, o salário médio pago para professores com carga horária de 20 horas semanais na rede municipal de ensino é de R$1.362,33, 18% acima do piso salarial nacional. Imbituva paga R$1.403,78 (22% acima do piso nacional) para carga horária de 20 horas, e R$ 2.298,80 (igual ao piso nacional) para professores com carga horária de 40 horas. 

Professores da rede de ensino de Inácio Martins recebem R$1.185,55, pouco mais de 3% do piso nacional para 20 horas. em Guamiranga, o salário de um professor é de R$1.420,14 (20 horas). A Prefeitura de Fernandes Pinheiro paga R$1.150,30, pouco acima do piso nacional para 20 horas, e R$2.300,63 para carga de 40 horas semanais.

Em Mallet, professores com 20 horas semanais recebem R$1.149,40. Já os contratados para 40 horas recebem R$ 2,298,80. O salário pago pela prefeitura de Rebouças é de R$1.149,40, para carga horária de 20 horas. Já em Rio Azul, o salário chega a R$1.245,50. 

 Em Prudentópolis, o salário médio para carga horária de 20 horas está 0,59% abaixo do piso, ficando em R$1.142,67.

PUBLICIDADE


Comentários

Enquete

Em relação aos candidatos à presidência da república, você está?

  • Confuso (a)
  • Definido (a)
  • Indeciso (a)
Resultados