Opinião / Notícias

29/05/15 - 08h53 - atualizada em 29/05/15 às 08h56

A marcha dos prefeitos

Mesmo sem garantia de que terão suas demandas atendidas, administradores municipais ao menos conseguiram apoio de Eduardo Cunha e Renan Calheiros
Gazeta do Povo

Abertura da XVIII Marcha a Brasília

Prefeitos de todo o país promoveram de 26 a 28 de maio a 28.ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. Ao contrário dos anos anteriores, nos quais suas reivindicações eram levadas ao Executivo, a marcha de 2015 decidiu priorizar o Congresso Nacional como agente das mudanças que reclamam que, essencialmente, dizem respeito à formatação legislativa de um novo pacto federativo. E isto, claro, depende mais da sensibilidade e do poder de deputados e senadores.

De fato, a partir principalmente da Constituição de 1988, mesmo com sua tentativa de melhor distribuir e equilibrar as atribuições de cada ente federativo, o que se viu ao longo dos 27 anos de vigência da nova Carta foi um processo de concentração cada vez maior de receita e de poder pela União e, em sentido contrário, a transferência de obrigações sem a correspondente receita para os estados e municípios. É deste mal que hoje sofrem as cidades e estados brasileiros, cada vez mais pressionados pelas demandas sociais sem que lhes seja dado os meios para cumpri-las a contento.

Leia a matéria completa no Portal da Gazeta do Povo 



Comentários

Enquete

Supermercados abertos em domingos e feriados é uma boa ideia?

  • não
  • sim
Resultados