Policial / Notícias

15/10/18 - 19h12 - atualizada em 15/10/18 às 19h31

Passageiro envolvido em acidente na BR-153 agride bombeiro durante socorro

Jovem foi detido em virtude do fato. Condutor também foi preso por embriaguez ao volante

Da Redação

Bombeiros precisaram conter um dos ocupantes do carro que agrediu um dos integrantes da guarnição

O passageiro de um carro que saiu da pista e colidiu numa árvore na BR-153, em Rebouças, foi preso após agredir um bombeiro que prestava atendimento à ocorrência. O condutor do veículo Gol, com placas de Rio Azul, também foi detido por embriaguez. O fato foi registrado na manhã de domingo, 14, no km 353 da rodovia.

PUBLICIDADE

Por volta das 10h30, três bombeiros de Irati que retornavam de União da Vitória, município onde trabalham atualmente, se depararam com um motorista fazendo zigue-zague na BR-153 entre os municípios de Rio Azul e Rebouças. Como o veículo estava colocando em risco a vida de terceiros, pois poderia colidir em outro automóvel que seguia na pista contrária, por exemplo, a guarnição acompanhou o Gol. Em determinado momento, o condutor parou para que três moças pudessem desembarcar. Os bombeiros tentaram manter contato com o motorista. Porém, ele avançou com o veículo contra a guarnição e fugiu. Com isso, eles perderam o veículo de vista. No entanto, ao passarem pela ponte do Rio Potinga, os bombeiros constataram que o Gol havia saído da pista e colidido numa árvore.

PUBLICIDADE

A equipe tentou conversar com os ocupantes do carro, pois o passageiro apresentava ferimentos no rosto. Entretanto, ele investiu com socos e chutes. Por isso, foi necessário usar força moderada para imobilizar o agressor. O passageiro e um bombeiro ficaram feridos durante o incidente.

Carro saiu da pista e colidiu numa árvore na BR-153, em Rebouças

A Polícia Militar foi acionada e encontrou o homem imobilizado pelos bombeiros. Mesmo assim, ele agia de forma agressiva. Sendo assim, foi necessário o uso de algemas para contê-lo. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi solicitada para comparecer no local em virtude do acidente de trânsito e do condutor apresentar sinais de embriaguez. O motorista não se feriu no acidente. Ele realizou o teste do bafômetro que apontou resultado de 0,62 mg/l de álcool no organismo. Como foi comprovada a embriaguez ao volante, o rapaz, de 22 anos, foi detido e encaminhado para a Delegacia de Rebouças.

Uma viatura do Siate conduziu o bombeiro até a Santa Casa de Irati em razão dos ferimentos. Já o agressor foi levado ao hospital Dona Darcy Vargas, em Rebouças, para receber atendimento médico. Em seguida, o homem foi conduzido até a Delegacia de Rebouças. O Gol foi recolhido ao pátio da PRF.

PRF prendeu motorista por embriaguez. Passageiro também foi detido pela PM por agredir bombeiro

Em participação no programa “Espaço Cidadão”, da Super Najuá, na manhã de hoje, 15, o Comandante do Corpo de Bombeiros de Irati, Capitão Ramos, falou sobre o incidente.

“A guarnição vinha retornando, ou seja, saindo do serviço lá em União da Vitória e retornando para Irati porque eles moram aqui, o Sargento Kosinski, Cabo Mário e Soldado Alves. Eles se depararam com um veículo fazendo zigue-zague acelerando e reduzindo a velocidade. Eles fizeram acompanhamento porque viram que algo estava errado. O cidadão deu uma parada para deixar algumas moças. Eles tentaram falar com o cidadão ali, mas ele arrancou e quase passou por cima dos bombeiros. Um pouquinho a frente ele saiu da pista e bateu o carro numa árvore. Quando a guarnição foi fazer o atendimento, o cidadão agrediu um dos bombeiros. [O agressor] estava visivelmente embriagado. Aí foi preciso fazer essa contenção dele e encaminhá-lo para as barras da lei digamos assim. Foi feito a prisão dele em flagrante por embriaguez ao volante e agora vai responder lá na justiça por esse ato de imprudência. Ninguém é proibido de beber, mas bebida e direção não combinam. Então, o que nós temos visto, principalmente nesse trecho de Rebouças, Rio Azul e Mallet, é que muitos acidentes são causados por embriaguez ao volante. Felizmente os bombeiros fizeram esse acompanhamento tático e possivelmente evitaram um problema maior. Eles vinham sinalizando para os outros veículos na pista e para o pessoal ir desviando esse veículo, que estava colocando os outros em perigo. As vezes é esse tipo de gente que mata uma família inteira numa colisão. Felizmente tirando algumas escoriações no bombeiro e um ato quase de polícia dos bombeiros tudo foi resolvido de maneira mais tranquila. O cidadão foi detido pela PRF e PM. A Polícia Civil já fez o devido encaminhamento e ele vai responder por embriaguez ao volante, direção perigosa e o veículo foi recolhido ao pátio. Então o cidadão vai se complicar um pouquinho”, salienta Ramos.

Quer receber notícias locais? Envie whats para 42 991135618 SIM NOTICIAS ou cadastre seu e-mail na newsletter pelo site da Najuá

Motorista deverá responder por direção perigosa e embriaguez ao volante

Comentários

Enquete

Em relação aos candidatos à presidência da república, você está?

  • Confuso (a)
  • Definido (a)
  • Indeciso (a)
Resultados