Política e Eleição / Notícias

25/10/17 - 14h33 - atualizada em 26/10/17 às 00h46

Após viagem a Brasília, vereadores prestam contas à população

Assessoria Câmara Municipal de Irati

Da esquerda para direita: Marcelo Rodrigues, Ricardo Barros, Jorge Derbli e Nei Cabral

Na última semana, entre os dias 16 e 19 de outubro, os vereadores Marcelo Rodrigues e Valdenei Cabral da Silva estiveram em Brasília acompanhando o prefeito Jorge Derbli, com o objetivo de angariar emendas para 2017 e reforçar os pedidos já em andamento.

A Comitiva cumpriu agenda nos Ministérios do Turismo, Educação e de Saúde, no Senado Federal, onde foram recebidos pelo Senador Álvaro Dias e nos gabinetes dos deputados Aliel Machado; Evandro Rogério Roman; Leandre Dal Ponte; Sandro Alex; Dilceu Sperafico; Assis do Couto e Luciano Ducci. As solicitações foram para pavimentações; construção de redes de esgoto; cobertura do CT Willy Laars; construção de quadras poliesportivas; entre outros pedidos protocolados.

Eles estiveram no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT, onde foi abordado a municipalização da BR 153, trecho que passa pelo perímetro urbano de Irati. Conforme o diretor executivo do Departamento, Valter Casimiro Silveira, o DNIT já deu parecer favorável à municipalização, porém, antes de concretizar a mudança fará a recuperação do trecho, com melhorias na infraestrutura e implantação de acostamento, um investimento de aproximadamente R$ 2 milhões. “O objetivo é oferecer mais segurança aos usuários que utilizam a rodovia”, afirmaram os vereadores relatando que o prefeito vê na municipalização uma oportunidade de construção de ciclovias, rotatórias, travessias, melhorando a urbanização. “A manutenção e conservação do trecho serão de inteira responsabilidade do município a partir da alteração”, frisaram Rodrigues e Cabral.

PUBLICIDADE

No Ministério da Saúde, a Comitiva foi recebida pelo Ministro Ricardo Barros, que apontou soluções para a Unidade de Ponto Atendimento - UPA do bairro Vila São João. Conforme o Ministro, para manter a UPA, o município teria que investir por mês na unidade entre R$ 800 mil a R$ 1 milhão, o que estaria fora da realidade de Irati. Ricardo sugeriu então, que a UPA seja transformada em unidade de saúde ampliada, mas, para isso é necessário que a obra seja concluída. O valor para término da edificação fica em torno de R$ 500 mil. Segundo os vereadores, o prefeito deverá concluí-la e iniciar a transformação do espaço, que será usado também para atender a parte administrativa do setor.

No Ministério do Turismo, a comitiva foi recebida pelo secretário executivo Alberto Alves. Neste setor, o prefeito solicitou recursos, cerca de R$ 200 mil, para a tradicional Festa do Pêssego, que será realizada nos dias 1, 2 e 3 de dezembro. Já no Ministério da Educação, conforme os vereadores, o prefeito esteve em busca de soluções e ajustes para a conclusão da nova Escola dos Colonizadores, em Gonçalves Júnior.


Comentários

Enquete

Supermercados abertos em domingos e feriados é uma boa ideia?

  • não
  • sim
Resultados