Rádio Najuá

Independente receberá homenagem nesta segunda-feira

16/12/13 - 01h42 - Atualizado em 16/12/13 - 01h42
Rodrigo Zub

O título inedito do Campeonato Amador ainda é motivo de festa para o Independente Esporte Clube. Nesta segunda-feira, 16, acontece uma sessão solene na Câmara de Rio Azul para entrega de Moção de Aplauso para os dirigentes, comissão técnica e atletas do time que conquistou o campeonato organizado pela Liga Iratiense de Futebol.

A homenagem ao time do Independente Esporte Clube foi proposta pelos vereadores Edson Paulo Klemba (PSD) e Sérgio Mazur (PPS).

Campanha

Em dez partidas na competição, os rio-azulenses venceram quatro, empataram três vezes e foram derrotados em três oportunidades. A equipe comandada por Márcio de Quadros (Tiope) teve uma campanha de altos e baixos no campeonato. Na primeira fase, o time conseguiu a classificação somente nos critérios de desempate. A equipe terminou na segunda posição do grupo B com oito pontos- mesma pontuação obtida pelo time do Pinheiros, de Fernandes Pinheiro, que levou desvantagem no saldo de gols. A qualificação do time foi impulsionada pela goleada de 7 a 1 em Inácio Martins, na penúltima rodada. No jogo de encerramento da primeira fase, o Independente empatou com o Guamirim por 2 a 2, resultado que foi suficiente para obter a vaga nas semifinais.

Em busca da classificação na final, os rio-azulenses encararam o Valinhos, de Teixeira Soares. Na primeira partida em Rio Azul, o Independente perdeu por 3 a 2. No jogo de volta, a equipe se superou e goleou o adversário por 4 a 0. Desta forma, a decisão foi para os pênaltis. Na disputa dos tiros livres, o Independente foi mais eficiente e venceu por 4 a 3.

Em busca do título inedito, o Independente encarou o Guamirim. O time largou na frente no confronto de ida no estádio Orestes Pallú, em Rio Azul. Com gols de Black (duas vezes) e Edimar, os rio-azulenses venceram por 3 a 1. No domingo, dia 1º de dezembro, os dois times voltaram a se encontrar dessa vez no estádio Edgard Andrade Gomes, no Guamirim. A equipe da casa esteve duas vezes na frente do placar, mas cedeu o empate para o Independente. No fim da partida, o meio-campista Gago ainda teve a chance de dar a vitória ao Guamirim. Porém, ele desperdiçou uma cobrança de pênalti.


Com mais de 50 anos de história, Independente conquistou título inedito