Rádio Najuá

Discussão sobre problemas no interior tem início com vereadores

23/06/10 - 23h56

Da Redação, com reportagem de Antônio de Souza

Irati é um município essencialmente rural. São mais de 5 mil Km de estradas rurais. O problema maior do interior é a falta de conservação das estradas que dão acesso às comunidades.

Hoje se fala muito em impedir o êxodo rural, mas a sociedade e o governo devem respeitar o homem do campo e proporcionar a ele boa qualidade de vida. Em Irati, o comércio local depende do povo interior  e também deve estar sensível ao fato.

A Rádio Najuá recebe, diariamente, muitas solicitações e reclamações de pessoas que vivem no interior. Com o objetivo de ajudar estas pessoas a encontrar solução para os problemas, a equipe de jornalismo está arquivando as informações que chegam até a emissora e solicitou uma entrevista com o prefeito Sérgio Stoklos para fazer com que este material chegue em suas mãos.

Dando início a discussão, nesta quarta-feira (23), participaram do Programa Meio Dia em Notícias da Rádio Najuá os vereadores Laudelino Antônio Filipus - Toninho (PSDB), Marcelo Rodrigues – Marcelinho (PP) e Ronaldo Ferreira – Ronaldão (DEM).

Os vereadores falaram da sugestão de que o município adquira um “Britador Móvel”. Esta é uma solicitação antiga do vereador Ronaldão que agora vem endossada pelos demais vereadores.  

Segundo Ronaldão, o Britador Móvel é um exemplo de solução adotada no município de Prudentópolis que resolveu rapidamente o problema da comunidade com estrada.  Ele explicou que em 15 minutos se faz uma caçamba e disse também que não precisa passar o rolo compressor.

Marcelinho fez as contas: “Um caminhão britado com cascalho faz em torno de 50 metros, um caminhão de brita trucado com brita faz 100 metros, evita de passar o rolo e não precisa contratar pessoal para quebrar as pedras.”

Ronaldão falou que existe muita pedra na região ao contrário do Cascalho forte que já não tem mais. Ele calcula que o valor de uma Britadeira Móvel gira em torno de R$ 300 a 400 mil. “Pavimentação com pedra britada, só vai mexer depois de 10 anos”, completou Ronaldão.

Ouça os principais trechos da entrevista com os vereadores: