Futebol / Esportes

14/02/12 - 01h22 - atualizada em 14/02/12 às 01h26

Em jogo com cinco pênaltis, Operário vira e supera Arapongas

Jogo atípico teve três pênaltis para o Fantasma e dois para os donos da casa. Operário levou a melhor e saiu de campo com vitória por 2 a 1, resultado que afasta a equipe da zona de rebaixamento
Rodrigo Zub



Depois de três derrotas consecutivas, o Operário enfim desencantou e venceu no Campeonato Paranaense. A vitória por 2 a 1 sobre o Arapongas afastou a equipe da zona de rebaixamento. Porém o que chamou à atenção durante a partida não foi o resultado, mas sim a quantidade de pênaltis assinalados pelo árbitro Paulo Roberto Alves Jr. Ao todo, foram cinco cobranças, sendo que três delas foram convertidas.

Aos 19 minutos do primeiro tempo ocorreu o primeiro tiro livre da marca da cal. Ícaro chutou forte, mas parou na boa defesa de Victor. Pouco depois, pênalti para o Arapongas. Edu Amparo finalizou com categoria e colocou os donos da casa em vantagem. Aos 43 minutos, o time de Dario Pereyra poderia ter aumentado o placar. Thiago Adam partiu para a cobrança e parou nas mãos de Filipe.

Segundo pênalti convertido por Baiano que deu a vitória ao Fantasma
Atrás no marcador, o Operário foi para o ataque em busca do empate. Logo aos 4 minutos da segunda etapa, Ícaro sofreu pênalti. Baiano não desperdiçou e voltou a igualar a partida. Nove minutos depois novamente a dupla de ataque do Fantasma entrou em ação. Assim como aconteceu anteriormente, Ícaro foi derrubado na área. Baiano com tranquilidade converteu a cobrança para a alegria do técnico Lio Evaristo, que comemorou sua primeira vitoria no comando do Operário.

Com a vitória o Operário assumiu a 7ª posição com sete pontos. O Arapongas ocupa o 4º lugar com 13 pontos.


Comentários

Enquete

O Imposto sobre Valor Agregado (IVA) deve ser a base da Reforma Tributária?

  • Não
  • Sim
Resultados