Futebol / Esportes

15/03/16 - 11h09 - atualizada em 15/03/16 às 11h20

Iraty e Rebouças conquistam títulos do Campeonato das Escolinhas

Meninos do Iraty foram campeões nas categorias Sub-9 e Sub-13. Já a equipe de Rebouças ergueu a taça nas disputas do Sub-11 e Sub-15
Rodrigo Zub

A 9ª edição da Copa Integração de Futebol, conhecido como Campeonato das Escolinhas, foi encerrada no sábado, 12, no estádio Orestes Pallú, em Rio Azul. Na oportunidade, foram conhecidos os campeões nas categorias Sub-9, Sub-11, Sub-13 e Sub-15. As equipes do Iraty Sport Club e de Rebouças/Compensados Drabecki conquistaram dois títulos. Por sua vez, o time anfitrião disputou três finais, mas foi derrotado em todas as partidas decisivas.

Fotos: José Ambrosio Zem (Zeco), Silvia Calhares e Ronildo Pampuch Surek

{album}

Sub-13


A primeira decisão reuniu as equipes do Iraty e da Escolinha Furacão de Rio Azul, na categoria Sub-13. Os meninos do Azulão levantaram a taça com a vitória por 3 a 0. Juan, no primeiro tempo, e Eduardo, com dois gols no segundo tempo, decretaram o triunfo do Iraty.

Sub-9


A segunda conquista do Iraty ocorreu na categoria Sub-9. O time comandado por William Korevar derrotou os donos da casa de virada. Ronaldo, aos 4 minutos do primeiro tempo, abriu o marcador para o time rio-azulense. Porém, no segundo tempo, o Iraty reagiu e empatou a partida com Anthony. Chacrinha, artilheiro do time na competição, marcou mais dois gols e ampliou a vantagem dos visitantes. No fim da partida, Cauã ainda descontou em cobrança de pênalti, aos 19 minutos. No entanto, o time rio-azulense não teve tempo de reagir e amargou mais um vice-campeonato com a derrota por 3 a 2.

Sub-15


A única decisão que a Escolinha Furacão de Rio Azul não participou foi na categoria Sub-15. Jogando com a vantagem do empate, em virtude de possuir melhor campanha ao longo da competição, a equipe de Rebouças/Compensados Drabecki fez uma partida segura e venceu sem sustos o Iraty. Apesar do domínio no primeiro tempo, o time reboucense não conseguiu balançar as redes. Com isso, o placar permaneceu inalterado.

Já no segundo tempo, Leanderson aproveitou boa triangulação do ataque de Rebouças para bater na saída de Jefferson, aos 6 minutos. Os reboucenses ampliaram a vantagem com Marcos. O gol marcado pelo zagueiro de Rebouças impressionou os torcedores presentes no estádio Orestes Pallú. Em uma falta despretensiosa antes do meio campo, Marcos bateu forte em direção ao gol e encobriu o goleiro do Iraty. Jeremias e o próprio Marcos tiveram outras chances para Rebouças, mas não conseguiram converter os lances em gols. Desta forma, Rebouças comemorou o título com a vitória por 2 a 0.

Sub-11

O campeão da categoria Sub-11 foi definido de forma dramática. Rio Azul e Rebouças fizeram um jogo movimentado. No primeiro tempo, Ronald abriu o placar para os donos da casa. Ainda na primeira etapa, o time reboucense conseguiram a virada com dois gols em um intervalo de apenas quatro minutos. Nicholas e Rafael marcaram para o time comandado por Ricardo Alemão.

No segundo tempo, os rio-azulenses reagiram e chegaram ao empate com Juninho. Já no fim da partida, Dudu marcou e garantiu o título de Rebouças, aos 21 minutos da segunda etapa.

Cerimônia de premiação

Após o encerramento das finais, foi realizada a cerimônia de premiação da competição. Conforme dados da Liga Iratiense de Futebol, que promoveu a competição, a 9ª Copa Integração denominada João Gonçalves Padilha começou no dia 24 de maio de 2015 e foi encerrada no dia 12 de março de 2016. Seis equipes participaram da disputa: Iraty, Escolinha Furacão de Rio Azul, Rebouças/Compensados Drabecki, Projeto Alcance de Inácio Martins, Clube Atlético União Olímpico e Prefeitura de Irati.

Resumo da competição

Em todas as categorias foram disputadas 34 partidas para definir o campeão. No Sub-9, foram marcados 103 gols e distribuídos 17 cartões amarelos. O detalhe foi que nenhum atleta foi expulso na competição. O artilheiro no Sub-9 foi o atleta Rubens Calhares Neto, o “Chacrinha”, com nove gols. Já o goleiro menos vazado foi Guilherme, que foi vazado somente seis vezes. O troféu disciplina ficou com a equipe de Rio Azul, que recebeu apenas um cartão amarelo durante o Campeonato.

No Sub-9, o Iraty conquistou o título, enquanto que o time de Rio Azul ficou com a segunda posição.

Na categoria Sub-11, as redes balançaram 189 vezes e foram distribuídos 21 cartões amarelos. Nenhum atleta foi expulso ao longo da competição. Vinícius Rangel (Rebouças) foi o artilheiro do certame com a expressiva marca de 26 gols. Daniel (Rebouças) com nove gols sofridos foi o goleiro menos vazado. Para completar as premiações individuais, Rebouças também ficou com o troféu de equipes mais disciplinada, pois recebeu apenas dois cartões amarelos. Para fechar com chave de ouro, Rebouças ainda conquistou o título na categoria Sub-11. A equipe de Rio Azul ficou com o vice-campeonato.

No Sub-13, o Iraty foi campeão e conquistou os títulos os prêmios individuais de artilheiro e goleiro menos vazado da competição. Eduardo marcou 18 gols, enquanto que Charles sofreu apenas cinco. A Escolinha Furacão foi a equipe mais disciplinada com oito cartões amarelos e nenhum vermelho. Em 34 jogos, foram marcados 74 gols e distribuídos dez cartões amarelos.

Na categoria Sub-15, Rebouças ficou com o título e o troféu de disciplina com 13 cartões amarelos recebidos durante a competição. Três atletas terminaram empatados na artilharia com nove gols. São eles: Jeremias, Alifer (ambos do Rebouças/Drabecki) e Natan Taborda (Iraty). Felipe, que sofreu oito gols, foi o goleiro menos vazado. No total, foram marcados 124 gols e distribuídos dez cartões vermelhos e 74 amarelos nas 34 partidas disputadas na categoria Sub-15.






Comentários