Futebol / Esportes

05/10/15 - 02h19 - atualizada em 05/10/15 às 10h00

Valinhos e Taquari vencem fora de casa e se aproximam da final do Amador

Valinhos derrotou Juventude, em Rio Azul. Já o Taquari superou Fernandes Pinheiro por 3 a 0
Rodrigo Zub

Os dois times que jogaram como visitante saíram na frente na semifinal do Campeonato Amador. As equipes da Sociedade Valinhos e do Real Center/Agromáquinas/Taquari precisam apenas de um empate no jogo de volta para avançarem a decisão da competição.

Em busca do bicampeonato do Amador, o Valinhos venceu o primeiro confronto contra o Juventude do Marumbi dos Elias, no estádio Orestes Pallú, em Rio Azul, na tarde de domingo, 4. Sem poder contar com Binho machucado e Fabinho suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o time rio-azulense perdeu a força ofensiva e praticamente não atacou no primeiro tempo. A única oportunidade de gol do time da casa foi em uma cobrança de falta defendida por Doni. Já o Valinhos teve mais posse de bola e chegou com perigo em jogadas pelas laterais do campo. Entretanto, as melhores chances dos visitantes ocorreram em chutes de fora da área. Márcio evitou o gol do Valinhos em pelo menos duas oportunidades no primeiro tempo. O time teixeira-soarense chegou a balançar as redes, mas o gol foi anulado em função da marcação de um impedimento.

Após o intervalo, o Juventude fez duas alterações no sistema ofensivo. As mudanças deram mais mobilidade ao ataque rio-azulense. Porém, quem marcou foram os visitantes. Aos 7 minutos, Pinga em cobrança de falta abriu o placar para o Valinhos. O lance que gerou a infração marcada para o Valinhos foi contestado por jogadores e comissão técnica do Juventude.

Em vantagem, o Valinhos teve tranquilidade para trocar passes e chegar ao segundo gol. Aos 21, Reginaldo recebeu cruzamento na área e escorou de cabeça sem chances para Márcio.

No fim da partida, o Juventude reagiu e pressionou o Valinhos, principalmente em lançamentos longos e cruzamentos para a área. Em uma dessas jogadas, Rovane desviou de cabeça e descontou para o time da casa. O Juventude quase empatou em uma cobrança de falta para a área que Rovane desviou para fora.

Os dois times ainda criaram boas oportunidades nos instantes finais, mas não conseguiram alterar o placar de 2 a 1 para o Valinhos.

Com o resultado, a equipe da Sociedade Valinhos joga com a vantagem do empate no jogo de volta. Vitória do Juventude, por qualquer placar, leva a decisão para os pênaltis.

Taquari abre vantagem contra Fernandes Pinheiro

No outro confronto da semifinal, o Taquari não tomou conhecimento da equipe de Fernandes Pinheiro. O melhor ataque da competição não funcionou e passou em branco no estádio Jorge Tobias Kayer, assim como o artilheiro do Campeonato Amador, Roberto Pítio. Com dois gols no primeiro tempo e outro na segunda etapa, o time rio-azulense venceu o confronto por 3 a 0. Sávio contra, Pitiuka e Lucas fizeram os gols da vitória do Taquari.

Para garantir a vaga na final do Campeonato Amador, o Taquari precisa apenas de um empate na segunda partida da semifinal. Como o saldo de gols não é critério de desempate, a equipe de Fernandes Pinheiro necessita de uma vitória simples para decidir a classificação nos pênaltis.

Os jogos de volta da semifinal do Campeonato Amador acontecem no dia 11 de outubro. O Valinhos recebe o Juventude, em Guaraúna, em Teixeira Soares, enquanto que o Taquari enfrenta Fernandes Pinheiro, no interior de Rio Azul.

Taquari precisa apenas de um empate em casa para ser finalista do Campeonato Amador 2015

Comentários