Irati e Região / Notícias

13/07/19 - 13h22 - atualizada em 13/07/19 às 13h33

2ª Expoazul comemora os 101 anos de Rio Azul

Hoje (13) e amanhã (14), a Expoazul tem suas atividades concentradas no Parque da Pedreira com stands de exposição dos serviços públicos municipais e parque de diversões

Da Redação, com reportagem de Rodrigo Zub

Programação da ExpoAzul

Segue até o domingo (14) a programação da 2ª Expoazul, evento que comemora os 101 anos do município de Rio Azul. Na sexta-feira (12), no Pavilhão de Festas da Igreja Matriz Sagrado Coração de Jesus, a programação festival começou animada com o 1º Festival de Quadrilhas.

Neste sábado (13), a Expoazul tem suas atividades concentradas no Parque da Pedreira, com stands de exposição dos serviços públicos municipais e parque de diversões. Às 15h, será apresentado um teatro pela Secretaria de Saúde. A apresentação vai explicar como funciona a atenção básica à Saúde, porta de entrada para o atendimento via SUS, dentro do que diz respeito à responsabilidade do município.

Além dos stands da Prefeitura, haverá exposição de serviços oferecidos pela Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP) e pela Cooperativa de Agricultura Familiar de Rio Azul (Coafra), que, em breve, deve receber uma sede própria.  

PUBLICIDADE

“É uma espécie de prestação de contas, mas temática. A cada ano, queremos fazer algo diferente, que envolvam os serviços públicos, pois temos situações que acabam sofrendo mudanças, que queremos mostrar para a população. Temos que nos adaptar e mostrar agilidade na prestação de serviços e modificá-los, muitas vezes. Queremos mostrar o que vem mudando”, salienta o prefeito de Rio Azul, Rodrigo Solda.

Um dos setores que tem apresentado essas mudanças é o de cascalhamento de vias, que é um dos que possui maior demanda no município, especialmente na área rural. “E não estamos gastando a mais. Conseguimos fazer, com o mesmo patamar financeiro, com as mesmas condições, de outras administrações. Mas essa maneira diferente, as inovações e as mudanças de procedimentos estão fazendo com que atinjamos outros níveis de prestação de serviço público. É uma maneira de colocarmos em prática o princípio de transparência”, frisa Rodrigo.

O prefeito acredita que a população consegue obter outra forma de interação com os funcionários dos serviços públicos da Prefeitura em exposições como essa, pois como os servidores não estão em ambiente formal de trabalho, todos se sentem mais à vontade e mais confortáveis para conversar. No setor de saúde, por exemplo, estarão disponíveis os testes rápidos, ao longo do dia, das 9 às 17h.

PUBLICIDADE

Durante a semana, a Secretaria de Educação organizou atividades para as crianças no Parque da Pedreira. Para muitas delas, ainda era a primeira visita ao local. A intenção da Prefeitura, nesse sentido, é despertar o interesse da população para que usufrua, cada vez mais, de um bem que pertence a ela. Rodrigo relata que uma das ações realizadas no Parque da Pedreira durante a primeira edição da ExpoAzul em 2018 foi reconhecida regionalmente. O projeto de proteção de nascentes desenvolvido pela APAE foi premiado em um evento realizado em Prudentópolis.

Em entrevista à Najuá, prefeito Rodrigo Solda destacou as obras de mobilidade urbana e pavimentação que foram realizadas próximo ao trevo de saída para Mallet e na rodovia do peixe

Festival de Música e apresentações do grupo Kalena durante a ExpoAzul

Na noite deste sábado (13), a partir das 19h, no Centro de Eventos do Parque da Pedreira, ocorre a 3ª edição Festival de Música de Rio Azul (Femura).

No domingo (14), dia do aniversário de Rio Azul, haverá um ato cívico na Praça Tiradentes, às 9h da manhã. A Expoazul, no Parque da Pedreira, inicia seu segundo dia de atividades a partir das 11h30, com o almoço promovido pela Escola Furacão de Rio Azul. Às 13h, será aberto o Parque de Diversões. A tarde será embalada pelo folclore ucraniano, com o Festival Cultural Slava Ukraíni, coordenado pelo Grupo Folclórico Kalena, de União da Vitória. A ExpoAzul encerra com show da dupla Gustavo Toledo & Gabriel, a partir das 18h.

PUBLICIDADE

Durante o evento, não haverá cobrança de entrada, nem de estacionamento. A organização apenas pede a colaboração dos frequentadores para que não excedam o volume do som de seus veículos para não atrapalhar o andamento da exposição, a fim de que ela ocorra de forma saudável e acolhedora para as famílias.

Obras de mobilidade 

Neste domingo (14), Rio Azul completa 101 anos de emancipação política. O prefeito salienta que a gestão tem se caracterizado por realizar obras pontuais, mas que atendem a aspectos cruciais, como o de mobilidade. A revitalização da Avenida Nossa Senhora da Luz, a espinha dorsal do município, é uma delas. O local tem recebido melhorias, como asfalto e urbanização, com calçadas e pontos de ônibus.

PUBLICIDADE

A pavimentação da Rodovia do Peixe, entre as localidades da Palmeirinha e Rio Azul dos Soares, com 2,5 km de asfalto novo. “Não é uma obra tão extensa, mas a questão é que saiu o pó e entrou o pavimento definitivo, que é o asfalto. Isso gera economia para quem a usa no dia a dia e também se ganha tempo, porque demora menos para chegar à cidade. São obras que mostram que o resultado de nossos esforços tem sido positivo para a população. Ao mesmo tempo que comemoramos os 100 anos, conseguimos fazer uma repaginação da história de Rio Azul, conseguimos olhar, na completude, o quanto foi custoso para construir esse município. Sou prefeito há apenas dois anos e meio e, por isso, procuro respeitar toda essa parte tradicional e o esforço de todos que se empenharam para fazer o que é Rio Azul”, analisa.


Comentários