Irati e Região / Notícias

14/08/19 - 23h46 - atualizada em 15/08/19 às 09h45

Apresentação teatral terá renda destinada ao garoto Alisson

Grupo RiOuChora apresenta a comédia “A Próstata Vai Bem” nesta quinta-feira, 15, às 20 h, no Clube do Comércio de Irati. Entrada custa R$ 10

Rodrigo Zub


A comédia “A Próstata Vai Bem” encenada pelo grupo de teatro RiOuChora, de Rio Azul, será apresentada nesta quinta-feira, 15, no Centro Cultural Clube do Comércio, em Irati, às 20 h. Os ingressos estão sendo vendidos ao preço de R$ 10. O dinheiro arrecadado será destinado totalmente para o tratamento de saúde do garoto Alisson Nairã Rost Benâncio, que possui Distrofia Muscular de Duchenne, doença que não tem cura.

“Foi feita uma campanha pedindo doação de R$ 10. A gente resolveu entrar com a nossa apresentação. Todo o lucro será destinado ao Alisson, que no momento está precisando comprar um respirador, pois está com dificuldades para respirar. É uma comédia de aproximadamente 45 minutos. Além do entretenimento e boa ação, a nossa comédia traz uma mensagem de utilidade pública para todo mundo em relação aos cuidados com a saúde do homem”, salienta o ator Talbian Raony Przybycz, que é responsável pelo grupo RiOuChora.  

A peça faz parte do projeto “Teatro na Comunidade”, que já foi apresentada em 12 comunidades (Vila Gembarowski, Beira Linha, Vila Diva, Invernada, Cristo Rei, Lageado dos Mellos, Faxinal dos Elias, Água Quente dos Rosas, Faxinal de São Pedro, Rio Azul de Cima, Pousinho e Cachoeira dos Paulistas). A média de público nas exibições da peça tem sido de aproximadamente 80 pessoas, segundo Talbian. Ele relata que o objetivo do grupo é realizar 61 apresentações no período de três anos.

PUBLICIDADE

“Aproximadamente 960 pessoas assistiram ao projeto já. A receptividade tem sido a melhor possível. Avaliamos positivamente visto que já é comum pedirem para voltarmos outras vezes. Além de estarmos conseguindo causar o entretenimento, também estão frisando muito sobre a mensagem de cuidado com a saúde que temos levado”, afirma Talbian, que se apresenta ao lado de Irineu Valenga, o Peninha.  

A comédia visa alertar, de forma bem-humorada, sobre a importância dos exames preventivos para a detecção precoce do câncer de próstata, um dos tipos de maior incidência entre os homens, ficando atrás apenas do tumor de pele e do melanoma, no Brasil. É considerado também um câncer da terceira idade, visto que 75% dos casos são diagnosticados em homens com 65 anos ou mais. A estimativa, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), é a de que sejam diagnosticados cerca de 68 mil novos casos em 2019, mesmo resultado de 2018.

Os locais de venda de ingressos para a apresentação da comédia são a secretaria de Cultura, Patrimônio Histórico e Legado Etnico de Irati e a livraria Sebo Centenário.

PUBLICIDADE

Na semana passada, outro evento teve a renda destinada para o garoto Alisson. O dinheiro obtido com a apresentação do filme “Zé, a vida como ela é” na Escola Municipal dos Colonizadores, em Gonçalves Júnior, em Irati, foi repassado para a família do menino. Cerca de 190 ingressos foram vendidos. A arrecadação foi de R$ 2.325, entre ingressos vendidos e doações espontâneas .

Doações para Alisson

Alisson necessita de um aparelho de respiração, que custa aproximadamente R$ 3.500. Quem quiser colaborar com o garoto, pode depositar qualquer importância na Caixa Econômica Federal, agência 0390, operação 013, conta nº 20687-7. 

A distrofia muscular não tem cura, mas pode ser controlada através de tratamento. Desta forma, o paciente pode ter uma qualidade de vida melhor. Estudos indicam que há uma rápida evolução na terapia genética, que pode vir a se tornar uma forma de curar a enfermidade.

A doença causa fraqueza muscular por conta de uma anomalia da distrofina, proteína que ajuda na formação dos músculos.


Comentários