Irati e Região / Notícias

27/10/11 - 23h11 - atualizada em 02/11/11 às 09h28

DER inicia Operação Tapa-Buracos II na BR 153

Operação Tapa-Buracos teve início nesta segunda-feira; DER informa que até a semana que vem as equipes completarão o serviço em toda a extensão de Imbituva a Rio Azul
Reportagem de Rose Harmuch - Texto de Jussara Harmuch Bendhack


Iniciou esta semana mais uma operação Tapa-Buraco, realizada pelo Departamento de estradas e Rodagem – DER do Paraná.

Pela segunda vez este ano a equipe do Engenheiro chefe da 15ª subdivisão do DER, Pedro Binsfield, socorre os condutores de Imbituva, Irati, Rebouças e Rio Azul que trafegam pela BR 153. Muitos, inclusive, passam por este trecho diariamente a trabalho ou a estudo, o que faz deste acesso um importante meio de interligação para os negócios na região.

Veja as fotos do trecho onde o serviço já foi concluído entre Irati e Rebouças.

{album}

Nós estamos tapando panelas, buracos maiores que são um perigo para os condutores, diz Pedro Binsfield, engenheiro do DER de Irati
O Engenheiro chefe da 15ª subdivisão do DER, Pedro Binsfield, recebeu na sexta-feira da semana passada uma ordem da chefia superior estadual para que o serviço fosse iniciado de forma emergencial para dar melhor condição de tráfego à rodovia até que o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte - DNIT assuma a manutenção que será efetuada de maneira contínua enquanto as obras definitivas de recape total da rodovia estarão sendo aguardadas. “Já foi feita a licitação do projeto de manutenção e estamos aguardando até que a tramitação se conclua para que o DNIT dê início ao trabalho”.

A determinação superior atende as reivindicações da classe política, informa Binsfield. “Foi solicitado à chefia do DER e ao secretário de Transportes [José Richa Filho, secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná] que falou com o DNIT para que nós fossemos lá tapar os buracos”.

A operação visa amenizar o problema. “Nós estamos tapando panelas, buracos maiores que são um perigo para os condutores. Eu mesmo estava muito preocupado e ansioso com o número de acidentes e já havia solicitado uma intervenção”.

Binsfield informou à Najuá que a operação entre Irati e Rebouças já foi concluída e as equipes se encontram agora no trecho entre Imbituva e Irati. Ele acredita que até o final da próxima semana, se não chover, todo o percurso poderá ser concluído, incluindo o trecho de Rebouças a Rio Azul que ficará por último.

Mas o engenheiro alerta que nada pode fazer quanto aos trechos que estão totalmente destruídos, como em partes do asfalto de Imbituva, que somente poderá ser corrigido com um recape. “Já tapamos os buracos na cabeceira da ponte no trecho de Irati a Rebouças, mas vamos pular os locais onde o asfalto está todo detonado”.


Comentários