Irati e Região / Notícias

14/11/14 - 01h44 - atualizada em 14/11/14 às 10h26

Grupo de Teatro São Francisco de Assis será reativado em Irati

Grupo retomará as apresentações do Teatro da Paixão de Cristo com o apoio da Prefeitura de Irati
Paulo Henrique Sava

O Grupo de Teatro São Francisco de Assis retomará suas atividades em 2015. A decisão foi tomada em uma reunião realizada nesta quinta-feira, 13, na Capela São Francisco. O grupo terá o apoio da Prefeitura Municipal de Irati, através da Secretaria de Cultura, Patrimônio Histórico e Legado Étnico. 

História e paralisação das apresentações

O diretor do teatro da paixão, Célio Marcos de Oliveira, o Quinho, fez um breve relato da história da peça. Ele disse que o início foi muito difícil, mas que as conquistas foram surgindo de acordo com a vontade de Deus, e que, se o teatro parasse, seria da mesma forma.

Quando o teatro parou, houve muitas contradições de ideias, desentendimentos e a falta de recursos começou a aparecer nas últimas três edições da apresentação.

“Eu sempre levei o teatro pelo lado espiritual, nunca pelo lado do show. Eu nunca imaginava que nós iríamos levar o nome de Irati para o Brasil inteiro; isso aconteceu por consequência, visto que, quando a gente começou a fazer o teatro, nós éramos o terceiro maior grupo do Brasil e com uma particularidade: era o único que não era dublado”, ressaltou. 

De acordo com Quinho, por conta desta fama, o teatro passou por um momento conturbado até paralisar as suas atividades. “Enquanto a gente tinha uma equipe coesa, que trabalhava unida e tinha os mesmos objetivos, independente de apoio, o pessoal arregaçava as mangas, vendia rifas, fazia pierogue, enfim, todo mundo corria atrás e conseguia o recurso necessário para fazer este trabalho”, afirmou.

Quinho citou ainda que o grupo chegou a criar uma rifa, na qual todos os anos sorteava um carro 0km. Mesmo assim, as dificuldades financeiras fizeram com que o grupo parasse com as apresentações durante 5 anos.

Grupo de Teatro será reativado com o apoio da administração pública municipal
Grupo deve definir nova diretoria em reunião na próxima quarta-feira, dia 19

Retomada das apresentações

Porém, em 2015 as apresentações devem ser retomadas com o apoio da Prefeitura de Irati através da Secretaria de Cultura. A retomada do Teatro da Paixão de Cristo era uma promessa de campanha do prefeito Odilon Burgath (PT). 
Em entrevista a Najuá, Quinho demonstrou sua satisfação em ver o esforço da administração municipal em retomar o Teatro da Paixão de Cristo. 

“Quero agradecer também ao pessoal que participou da reunião e a todos aqueles que até hoje acreditaram neste trabalho. A gente nunca parou com o intuito de não retornar, e tenho certeza que não somos nós que decidimos, mas é um trabalho que surgiu pela vontade de Deus e eu acredito que a partir de hoje, mais uma vez Ele está conduzindo cada um de nós e, se for da vontade dele, eu vou ter a alegria de dar outra entrevista no final do 22º Teatro da Paixão de Cristo”, afirmou.

Próximos passos

Segundo Quinho, o próximo passo a ser dado será a formação de uma nova diretoria para o Grupo de Teatro São Francisco de Assis, reativar o grupo, começar a trabalhar nos projetos que já existem e, em parceria com a Prefeitura, começar a providenciar tudo que é necessário para que o Teatro da Paixão possa se tornar novamente uma realidade.  “O teatro passou por três gerações, e se Deus quiser e se for da vontade dele, a partir desta retomada, a gente vai fazê-lo por muitas e muitas gerações, se Deus nos der saúde”, afirmou.

A secretária de cultura, Claudete Basen, afirmou que as pessoas que se envolviam com o teatro da paixão, além de se envolver no trabalho, se divertiam e enriqueciam sua cultura com isso. Por isso, ela anunciou que o apoio ao teatro já está no planejamento da secretaria para o ano de 2015.

“Nós vamos correr atrás de material, de madeira, de mão-de-obra. Com o texto, vocês já podem ir se organizando, decidindo as cenas e enviando material para ser fotocopiado na própria secretaria. Depois, podem começar a ensaiar”, afirmou Claudete.

Em entrevista a Najuá, a secretária afirmou que, além de promessa de campanha do prefeito Odilon, a retomada do Teatro da Paixão era um sonho de toda a população iratiense.

“É como eu tenho dito: o Teatro da Paixão só vai ser executado se a comunidade, de fato, arregaçar as mangas e desejar esta retomada, porque a prefeitura municipal está apoiando este evento, a administração pública deseja que o Teatro da Paixão seja apresentado em 2015”, afirmou.

Fragmento de cena da última apresentação do Teatro da Paixão, realizada em 2008. Na foto, Leonilton Simeonato, no papel de Jesus, ao lado dos discípulos na cena da Santa Ceia

Apoio da prefeitura

Claudete ressaltou que o apoio da prefeitura seria dado na logística, na preparação dos cenários, na mão-de-obra e na montagem do som e da iluminação. “Nós recebemos uma planilha do grupo e estamos nos comprometendo a apoiar culturalmente o Teatro da Paixão, porque sem apoio não tem como retomar. Como foi dito na reunião, estaremos começando do zero, pois não há figurinos nem cenários e precisamos que a população de fato compareça nas reuniões”, afirmou.

Próxima reunião

A próxima reunião da organização do Teatro está marcada para a próxima quarta-feira, dia 19, às 20 horas, na Capela São Francisco. Pede-se a presença de toda a população e das pessoas que faziam parte da organização do Teatro da Paixão de Cristo.

Comentários

Enquete

Reforma da Previdência

  • Nenhuma das respostas
  • Não deve mexer nos que ganham menos
  • Não é necessária
  • Deve ser ampla
Resultados