Irati e Região / Notícias

19/04/12 - 09h07 - atualizada em 19/04/12 às 09h30

PAF Social da Unicentro visitará municípios da região nas próximas semanas

Projeto é parceria do TCE-PR e Unicentro para levantamento de dados de investimentos educacionais em merenda e transporte escolar na região

Assessoria da Unicentro

 

 

O Plano Anual de Fiscalização Social (PAF Social), promovido pelo Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) em parceira com a Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) e outras cinco universidades estaduais começa as visitas aos municípios na próxima semana para coleta dos dados sócio educacionais. Os estudantes dos cursos de administração, economia e contábeis, orientados pelos professores Marcel Klozovski, Diocesar Costa de Souza e João Francisco Morozini, já estão entrando em contato com as prefeituras de região via telefone para realização das parcerias e detalhamento de informações.

Na área do PAF Social da Unicentro são dados de investimentos na área da educação, como alunos matriculados, beneficiados com a merenda escolar, alunos transportados, quilometragem média rodada. Segundo o professor Marcel Klozovski, os dados vão cooperar com as auditorias do TCE e gerar conhecimento extra ao controle externo, interno ou social sobre os municípios paranaenses. “O projeto traduzirá dados de difícil leitura em informações salutares ao público em geral, portanto a população terá a real situação do recursos consumidos pelo município no que se refere a merenda escolar e transporte até o ano de 2010, talvez a questão mais importante seja exatamente o corte de sete anos, ou seja entre 2004 a 2010, que trara além da situação atual, um comparativo dos anos que compõem a analise” afirmou Klozovski.

Os municípios analisados e que terão as prefeituras visitadas são Guarapuava, Pitanga, Laranjeiras do Sul, Prudentópolis, Campina do Simão, Nova Laranjeiras, Inácio Martins, Boaventura de São Roque, Cândido de Abreu, Foz do Jordão, União da Vitória, Virmond, Pinhão, Turvo, Goioxim, Marquinho, Santa Maria do Oeste, Manoel Ribas, Porto Barreiro, Marquinho e Irati. “Pretendemos coletar os dados ate o final deste mês, portanto temos uma forte expetativa de acolhimento por parte dos secretários e prefeitos sobre a visita dos nosso estagiários” conta Klosovski.

 

PAF Social

A auditoria social, desenvolvida através do Plano Anual de Fiscalização Social (PAF Social) e as conclusões levantadas durante o trabalho, que será coordenado e consolidado por técnicos do Tribunal, serão reunidas em relatórios de auditoria, a serem julgados pelo Pleno da Casa, com recomendações de melhorias e correção das falhas que eventualmente venham a ser encontradas.

O trabalho terá a participação, como colaboradores, de observatórios sociais, sindicatos, organizações não-governamentais e entidades de classe, formando uma rede de controle social. O projeto tem o apoio do Promoex – programa de modernização dos Tribunais de Contas brasileiros.

 

 

 

Comentários

Enquete

O Imposto sobre Valor Agregado (IVA) deve ser a base da Reforma Tributária?

  • Não
  • Sim
Resultados