Irati e Região / Notícias

10/12/11 - 10h30 - atualizada em 10/12/11 às 18h31

Tempestade assusta população de Irati

Sassá Oliveira


Por volta das 18 horas, de ontem (9), o vento que soprava forte e as nuvens escuras e carregadas anunciavam que uma grande tempestade estava se formando. O dia virou noite, o cenário era assustador. Em poucos minutos começou a tempestade, com rajadas fortes de vento e chuva de granizo, os estragos começaram a acontecer. O período mais crítico com vendaval e chuva de granizo durou cerca de 4 minutos, mas foi o suficiente para causar inúmeros prejuízos na cidade.

Logo em seguida a população começou a avaliar os danos. Casas destelhadas, árvores quebradas e arrancadas, postes no chão, ruas alagadas, torres destruídas. A forração de PVC de alguns Postos de Gasolina cedeu, atingindo alguns carros. Árvores caíram em cima de casas, duas residências no Bairro Pedreira foram interditadas pela segurança pública. A solidariedade da população foi fator fundamental para auxiliar os que mais precisavam de ajuda naquele momento. Lonas eram usadas no objetivo emergencial de improvisar cobertura para as casas destelhadas.

Nossa reportagem conversou com o Sargento do Corpo de Bombeiros, que fez um balanço parcial sobre os acontecimentos que assolaram nossa cidade.

De acordo com Osni, a cidade toda sofreu danos, mas os pontos mais atingidos foram os bairros: Rio Bonito, Pedreira, Alto da Lagoa, Vila São João, Loteamento Van Der Neut, D.E.R, Bairro Dalegrave, Nossa Senhora da Luz e o Centro.  O Corpo de Bombeiros recebeu inúmeras ligações, dando prioridade aos casos mais graves. Um pessoa ficou gravemente ferida, no Pavilhão do Parque Aquático, trata-se do Sr. Geraldo Rocha de 65 anos que estava trabalhando no momento da tempestade quando foi atingido por uma porta de ferro que acabou caindo.

O estoque de 4 mil metros de lonas do Corpo de bombeiros se esgotou. Voluntários doaram mais materiais, até de Ponta Grossa chegaram doações.

Fotos: Sassá Oliveira, Mesquita, Tadeu Stefaniak e Juarez Oliveira

{album}
 

Comentários