Irati e Região / Notícias

11/12/19 - 18h38 - atualizada em 11/12/19 às 18h40

Unicentro lança Campanha de Natal

Em Irati, a campanha vai atender as crianças do CMEI do Jardim das Orquídeas

Da Redação, com informações Assessoria 

Campus Irati da Unicentro

A Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná (Unicentro) lançou a sua tradicional Campanha de Natal, que visa atender a crianças carentes dos municípios onde estão situados os campi da instituição.

Para o diretor do Campus Cedeteg, o professor Fábio Hernandes, o clima natalino reforça o espírito de solidariedade. “É um momento onde se aflora a solidariedade, esse momento de confraternização que é o momento natalino, o momento de final de ano”, diz.

Qualquer membro da comunidade universitária – estudante, professor ou funcionário – pode apadrinhar uma criança, que vai receber uma sacola com os presentes solicitados numa cartinha, que indica também o nome do aluno beneficiado. Os kits de Natal geralmente são compostos por um calçado, uma peça de roupa, um brinquedo e algum doce.

Nos campi Santa Cruz e Cedeteg, em Guarapuava, os kits da Campanha de Natal serão entregues aos filhos dos funcionários terceirizados, como o funcionário da limpeza do campus Cedeteg, Luverci Chaves. “Nós prestamos serviço aqui. Aí, é uma forma de ajudar nós. Eu acho importante”, opina.

Em Irati, a campanha vai beneficiar as crianças do Centro Municipal de Educação Infantil do Jardim das Orquídeas. A professora Ana Maria Jonson, coordenadora do CMEI, revela como está a expectativa das crianças pelo recebimento dos presentes. “Trabalhamos com crianças desde quatro meses a quatro anos. Nesse momento de entrega de presente, época de Natal, eles sempre esperam alguma coisa. Então, já repassamos para eles. Eles estão muito entusiasmados; já os comunicamos e eles estão radiantes”, comenta Ana Maria.

CLIQUE AQUI E RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS PELO WHATSAPP

PUBLICIDADE

“Temos cursos que trabalham muito com crianças, as licenciaturas e tal, mas muitas vezes algumas áreas do conhecimento não trabalham tão diretamente com essa faixa etária. Os nossos agentes universitários, os nossos estagiários, e alguns professores também não. Então, esse é o momento dessa troca”, frisa o diretor do campus de Irati, Erivelton Fontana de Laat.

“A alegria que vemos naqueles olhinhos, da surpresa do que está naquele pacote... é muito gratificante você ver essa alegria da criança”, revela a agente universitária Djane das Graças Dino, que sempre participa da campanha.

O professor Osmar Ambrósio de Souza, reitor da universidade, observa que o gesto solidário é uma troca benéfica para os dois lados. “Entendemos que, quando a pessoa doa voluntariamente um presente, um brinde, um serviço, um carinho, uma dedicação, isso faz bem para ela e, do outro lado, faz bem a quem recebe, porque passa a acreditar mais, passa a ter um outro olhar sobre a vida. Principalmente as crianças que ainda estão em formação”, diz.


Comentários