Irati e Região / Notícias

04/11/11 - 23h43 - atualizada em 11/11/11 às 12h07

Vencedores do Concurso Cultural Educação no Trânsito são premiados

Três primeiros colocados na categoria slogan foram premiados com um IPod. Já a Escola Pio XII irá receber R$ 1 mil em livros depois de ficar em primeiro lugar na modalidade de prática pedagógica em sala de aula
Rodrigo Zub

A concessionária Caminhos do Paraná e o Jornal da Manhã- JM, da cidade de Ponta Grossa revelaram na manhã desta sexta-feira, 4, os vencedores do Concurso Cultural Educação no Trânsito. Ao todo, mais de 100 alunos inscritos e cinco escolas de Irati, estavam concorrendo aos prêmios. Na categoria melhor slogan, Alessandra Sobutka, aluna da Escola São Vicente de Paulo foi à grande vencedora. Já na modalidade prática pedagógica, a Escola Pio XII foi premiada com o primeiro lugar. {album}
Vencedores do "Concurso Vamos Ler"

Melhor prática pedagógica

Escola Estadual Pio XII

Premiados na modalidade slogans:

1º Lugar: Adriana Sobutka – São Vicente de Paulo (6ª A)
2º Lugar: Kelvin P. Cordeiro – Nossa Senhora das Graças (6ª B)
3º Lugar: João Henrique de Souza Hrentechechen – Pio XII (8ª C)
 
Menção especial:

Evelin Schefer (7ª C – Pio XII)
Edher Lucas Antunes (8ª A – Pio XII)
José Carlos Capelini (8ª B – Pio XII)
Janaina Santos (7ª B – São Vicente)
Aline dos Santos Bueno (7ª A – São Vicente)
Karoline Batista de Souza (5ª B – São Vicente)
Deyze de Souza Pereira (6ª A – São Vicente)

Projeto

O Jornal da Manhã - JM, da cidade de Ponta Grossa, lançou em 2008 o projeto “Vamos Ler”, com o objetivo de distribuir textos em circulação na mídia e no meio social nas escolas para que eles sejam aplicados em todas as disciplinas.

O programa enfoca uma série de atividades que inclui o ensino de formação continuada, atividades culturais para os estudantes, formações para os professores e diversos materiais para auxiliar o aluno a discutir o conteúdo em sala de aula.

Através desta ação, a equipe do Jornal da Manhã procura entender de que forma os alunos compreenderam os temas e de que maneira os educadores podem contribuir para ampliar o acesso à informação e proporcionar uma boa compreensão dos conteúdos.

O Concurso Cultural Educação no Trânsito foi uma das novidades da edição 2011 do projeto “Vamos Ler”, programa desenvolvido pelo Jornal da Manhã, desde 2008, com o objetivo de incentivar os alunos a criar o hábito da leitura que além de formar cidadãos mais críticos tem a função de promover a cidadania. O concurso foi criado como forma de promover as atividades relacionadas à semana do trânsito.

Talita Moretto - Jornalista e coordenadora do Projeto Vamos Ler do Jornal da Manhã de Ponta Grossa
A leitura é algo essencial para a aprendizagem do ser humano, pois é através dela que podemos enriquecer nosso vocabulário, obter conhecimento, dinamizar o raciocínio e a interpretação. Porém, a evolução da tecnologia fez com que os jovens estejam cada vez mais desinteressados pelos livros. Pensando justamente em mudar essa triste “realidade”, a jornalista Talita Moretto, coordenadora do projeto, decidiu unir o útil ao agradável, na campanha deste ano do Jornal da Manhã.

“A gente resolveu fazer uma ação cidadã discutindo os problemas e qual a importância da educação, paz e a responsabilidade no trânsito. Mesmo eles sendo jovens e pedestres eles têm suas responsabilidades no trânsito. Futuramente eles serão motoristas, então nós promovemos uma série de atividades envolvendo palestras e simulações de casos que a imprudência no trânsito pode gerar fatalidades”, explica Moretto.

Categorias

Dessa forma foi criado o Concurso Cultural Educação no Trânsito com duas modalidades que mobilizaram toda a comunidade pedagógica. Na modalidade 1, os alunos participaram de um concurso de slogan, que será utilizado na campanha de educação e paz no trânsito que o Jornal da Manhã promove todos os anos em parceira com os colégios e a iniciativa privada. Já a modalidade 2, enfocou as atividades pedagógicas em cinco colégios estaduais de Irati, ou seja, mostrando de que forma a escola e os educadores discutem esse tema em sala de aula.

A participação nas duas categorias foi expressiva e causou surpresa nos organizadores do projeto.

Dez alunos foram premiados, sendo que os três primeiros foram contemplados com um IPod
Na modalidade 1, foram mais de 100 alunos inscritos. Desses, dez foram selecionados. Os três primeiros foram contemplados com um IPod e outros sete receberam uma menção especial. Todos esses trabalhos serão publicados semanalmente a partir da próxima terça-feira, 8, em um dos cadernos do Jornal da Manhã. Eles estarão disponíveis também na página especial do Programa Vamos Ler na internet, através do endereço eletrônico www.vamoslerjornaldamanha.com.br. O objetivo é conscientizar a população sobre a importância de ter responsabilidade no trânsito.

Vale lembrar que o Projeto Vamos Ler acontece de terça a sexta-feira nas salas de aula. Em Irati, as escolas credenciadas recebem nas quartas-feiras a edição do Jornal da Manhã, que apresenta nesse dia uma página especial que divulga as atividades desenvolvidas pelas escolas do município, enfocando os temas mídia e educação.

“O aluno a leitura além de educar, trazer leitura, também promove a cidadania. Por isso acho isso muito importante independente do tipo de leitura seja de livros, jornal, informação ou internet, é sempre importante incentivar essa leitura, inclusive a leitura literária”, entende Moretto.

Ao final de todo ano os educadores e os colégios credenciados no Projeto Vamos Ler são obrigados a enviar ao Jornal da Manhã, um relatório das atividades desenvolvidas, em função do programa ser interdisciplinar. Além disso, os professores recebem formação e participam de oficinas que tem a função de orientá-los para utilizar a mídia e as novas tecnologias nas salas de aulas.

“O programa é feito de Março a Dezembro, nesse período é feito um acompanhamento direto com todos os professores e escolas. Dessa forma descobrimos como o programa está sendo desenvolvido e de que forma pode ser aperfeiçoado para os próximos anos”, avalia Moretto.


Escola Pio XII irá receber R$ 1 mil em livros


Na modalidade 2, melhor prática pedagógica participaram os cinco colégios estaduais envolvidos no projeto: Antônio Xavier da Silveira, São Vicente de Paulo, Nossa Senhora das Graças, Pio XII e Centro Estadual de Educação Básica para Jovens e Adultos de Irati (Cebeja), Ensino Fundamental e Médio.

A escola Pio XII foi a grande vencedora dessa categoria. O colégio inovou e criou um jingle, que foi gravado nos estúdios da Rádio Najuá, estimulado pelo trabalho desenvolvido em conjunto com a patrulha escolar de Irati, que orientou os alunos sobre ações simples como atravessar a faixa de pedestres e a função dos sinais de trânsito.

A criatividade dos alunos e professores irá render frutos para o futuro, pois o colégio foi premiado com R$ 1 mil em livros que serão disponibilizados para a biblioteca da escola.

Na avaliação de Moretto, essa premiação é uma forma simbólica de conscientizar e fazer com que o aluno adquira cultura através da leitura.

“Hoje as bibliotecas estão carentes de livros conforme a própria diretora colocou aqui. Eles estavam precisando de livros e sem leitura o cidadão não tem informação ele não consegue se desenvolver criticamente. É uma forma de conscientizá-lo para o mundo que ele vive”, relata.


Comentários