Paraná / Notícias

03/06/19 - 00h26 - atualizada em 03/06/19 às 10h28

Três pessoas morrem afogadas após acidente na BR-476

Veículo caiu dentro de rio depois de colidir na traseira de outro carro, que reduziu velocidade para evitar colisão contra caminhão que realizava ultrapassagem indevida

Da Redação, com informações G-1 e portal Clique

Três ocupantes de Kia Cerato morreram afogadas após carro ficar submerso

Uma mulher e duas crianças morreram afogadas após um veículo Kia Cerato cair dentro do rio Vargem Grande, na BR-476, em Paula Freitas, na região Sul do Estado, na tarde de sábado, 1. O acidente ocorreu depois que um caminhão forçou uma ultrapassagem em local proibido nas proximidades de uma ponte.

Com isso, três carros que seguiam no sentido contrário colidiram, sendo que um deles saiu da pista e caiu no rio. Conforme o jornal Tribuna do Paraná, o motorista de um Polo reduziu a velocidade para não colidir com o caminhão. Depois disso, o Kia Cerato que seguia logo atrás não conseguiu frear e bateu na traseira. Em seguida, um Fox colidiu contra o Cerato, que foi arremessado para o rio.

O Tenente Marcelo Aleixo, que comanda o Corpo de Bombeiros de União da Vitória, flagrou o momento do acidente com um celular que estava fixado no painel de seu carro. O vídeo foi compartilhado nas redes sociais e divulgado por vários meios de comunicação do Estado como o portal Clique, de Irati. Na ocasião, o bombeiro se deslocava para Irati, onde moram seus familiares. Ele já havia verificado que o caminhoneiro tentou realizar outras ultrapassagens perigosas.

PUBLICIDADE

Mesmo de folga, o iratiense parou para prestar socorro. Em entrevista ao portal G-1, ele contou detalhes do resgate. Segundo Aleixo, três ocupantes do carro ficaram presas ao cinto de segurança, que precisou ser cortado com uma faca. O bombeiro também quebrou os vidros, pois o veículo estava submerso. Um bebê de um ano e dois meses foi o primeiro a ser resgatado com vida. Ele foi levado para a Associação de Proteção à Maternidade e à Infância (APMI) de União da Vitória com ferimentos graves. O condutor conseguiu sair sozinho do carro. Em seguida, o bombeiro resgatou as outras três passageiras. Na sequência, uma ambulância chegou no local e conduziu as vítimas até o hospital Regional São Camilo, em União da Vitória. Porém, elas não resistiram. As vítimas foram identificadas no Instituto Médico-Legal (IML) de União da Vitória como Jaqueline de Oliveira Ferreira, 22, Agatha Victória Ferreira Sant’Ana, 4, e Kauany Letícia Roberto, 12 anos. As vítimas seguiam em direção ao município de Porto União/SC.

Aleixo relatou ao portal G-1 que o rio estava mais cheio que o normal em função das chuvas que foram registradas nos dias que antecederam o acidente. "O rio estava muito mais cheio do que o normal. Eu passo ali toda semana, e geralmente não tem mais de um metro de profundidade. Mas no momento do acidente o carro ficou na vertical, completamente submerso", afirmou o Tenente.

"Foi uma sucessão de fatalidades. A batida, em si, foi leve, tanto que ninguém mais se feriu, mas aconteceu do caminhão fazer essa ultrapassagem, não ter a mureta de proteção naquele trecho ao lado da pista e do rio estar muito mais cheio que o normal", disse Aleixo.

PUBLICIDADE

Os motoristas do Polo e do Fox sofreram ferimentos leves. Até o momento, o motorista do caminhão não foi identificado e nem localizado. A Polícia Civil de União da Vitória está investigando o caso. Informações sobre o condutor podem ser repassadas para a Polícia Rodoviária Federal (PRF) no telefone de emergência 191.


Quer receber notícias pelo WhatsApp? Envie SIM notícias http://bit.ly/CliqueAquiWhatsSuperNajua

Por e-mail: http://bit.ly/2BiE4tC

Carro caiu dentro do rio Vargem Grande

Mais dois carros se envolveram no acidente

Kia Cerato bateu na traseira de Polo

Tenente Marcelo Aleixo comanda o Corpo de Bombeiros de União da Vitória


Comentários