Policial / Notícias

16/05/16 - 12h43 - atualizada em 17/05/16 às 11h28

Filho de empresário iratiense morre em acidente na BR-277

Vectra conduzido pela vítima foi arrastado por aproximadamente 100 metros na rodovia

Da Redação

Luís Eduardo Andreassa
Um homem morreu em um acidente na BR-277, em Irati, na manhã desta segunda-feira, 16. Luís Eduardo Andreassa, conhecido pelo apelido de “Cabeça”, de 30 anos, conduzia um veículo Vectra, que colidiu lateralmente contra um caminhão Mercedes Benz, com placas de Planalto/PR.

O condutor do carro teve morte instantânea. O motorista do caminhão escapou ileso.

O caminhão seguia no sentido Guarapuava/Curitiba, enquanto que o carro estava na pista contrária. O acidente ocorreu por volta das 10h15 no km 242 +700 metros da rodovia.

Luís Eduardo deixou uma filha de dois anos e a mulher, que está grávida de cinco meses. O rapaz era filho do empresário e ex-vereador de Irati, Luis Antonio Andreassa (Ico Andreassa).


Confira mais fotos do acidente clicando aqui



Caminhoneiro relata detalhes do acidente

Em entrevista ao repórter Tadeu Stefaniak, da Rádio Najuá, o caminhoneiro disse que saiu do município de Planalto, há cerca de 400 km de Irati, na noite de domingo, 15, por volta das 21 h. O motorista afirmou que pernoitou em um posto de combustível nas proximidades da Serra da Esperança, em Guarapuava. Ele deixou o local por volta das 8h30 desta segunda-feira, 16, e seguia para Curitiba. O caminhão transportava uma carga de produtos perecíveis.

O caminhoneiro ainda revelou que o condutor do carro perdeu o controle da direção e invadiu a pista contrária. “[Ele] Se perdeu e atravessou a pista, rodopiou, não teve como desviar”, declarou o caminhoneiro. Com o impacto, o Vectra foi arrastado por aproximadamente 100 metros.

O corpo de Luís Eduardo foi resgatado das ferragens pela equipe de socorristas da concessionária Caminhos do Paraná. O trabalho de resgate durou mais de uma hora. O corpo da vítima foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML).


Três pessoas da mesma família morreram em acidente na BR-277

O acidente registrado na manhã desta segunda-feira, 16, ocorreu há cerca de 300 metros do local onde três pessoas da mesma família morreram em uma colisão frontal entre um veículo Fiat Palio e um caminhão Scania 112 H, com placas de Guarapuava, na noite do dia 7 de maio.

Cinco pessoas ocupavam o carro no momento do acidente. A passageira do veículo, Márcia Aparecida Ferreira Calza, de 28 anos, e sua filha Melissa Ferreira Calza, de apenas dois meses, tiveram morte instantânea. O motorista, Mário Nei Calza, de 36 anos, que era casado com Márcia e pai de Melissa, chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital. Uma criança, de 6 anos, e um jovem identificado como Alisson Ferreira Batista, de 22 anos, ficaram feridos em decorrência do acidente. O caminhoneiro João Kulik escapou ileso.

Conforme informações apuradas pela reportagem da Najuá no dia do acidente, os ocupantes do carro estavam retornando do interior de Irati, onde haviam colhido pinhões. No momento do acidente, o Palio seguia no sentido Guarapuava/Irati, enquanto que o caminhão estava no sentido contrário. Com o impacto, os dois veículos saíram da pista.


Fotos: Tadeu Stefaniak/Rádio Najuá e Plantão Policial/WhatsApp

Comentários