Policial / Notícias

28/12/14 - 10h54 - atualizada em 28/12/14 às 10h59

Crianças são suspeitas de depredar e defecar em escola de General Carneiro

Meninos de 9 e 10 anos foram identificados pela polícia após a invasão.
Do G1 Paraná

Dois meninos, de 9 e 10 anos, são suspeitos de invadir e destruir uma escola municipal em General Carneiro, na região sul do Paraná, durante a tarde de quinta-feira (25). 

Segundo a prefeitura, os dois são suspeitos de arrombar portas, vasculhar materiais escolares, jogar objetos ao chão, arremessar tintas em uma das lousas e ainda defecar em uma das salas da Escola Municipal Presidente Getúlio Vargas, de onde são alunos. Janelas também foram quebradas e grades de segurança, entortadas. Por fim, as crianças ainda são suspeitas de tentar atear fogo na escola.

Crianças jogaram tinta em uma das lousas das salas de aula da escola
De acordo com o portal G1, a situação foi flagrada por uma funcionária da instituição, que passava pela região e percebeu um movimento estranho no interior do local. Ela chamou a polícia que, ao chegar até a escola, não encontrou mais ninguém. Após a funcionária descrevê-los, a polícia acabou encontrando os meninos, que são primos, na casa de um avô.

O Conselho Tutelar do Município acompanha o caso. De acordo com o órgão, será realizada uma reunião com os pais das crianças. Em seguida, a situação será encaminhada para a Vara da Infância e Juventude, Família e Anexos da Comarca de União da Vitória, também na região sul do estado. Os pais podem ter de pagar pelos danos causados à instituição.

Conforme a prefeitura, não é a primeira vez que escola é invadida. A polícia registrou um Boletim de Ocorrência (B.O) e orientou a direção para evitar que casos assim ocorram de novo.



Comentários