Policial / Notícias

13/01/20 - 16h01 - atualizada em 13/01/20 às 16h04

Enteado mata padrasto com golpes de barra de ferro

Suspeito do crime foi detido pela Polícia Militar. Ele estava sendo monitorado por tornozeleira eletrônica

Da Redação

Corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Ponta Grossa

Um homem, de 32 anos, foi preso suspeito de matar o próprio padrasto em Imbituva. A ocorrência foi registrada no domingo, 12, durante um desentendimento entre alguns familiares.

Moradores da casa relataram que o jovem saiu do local onde estava ocorrendo a briga e retornou com uma barra de ferro. O suspeito atingiu a vítima com golpes na cabeça. Testemunhas informaram a Polícia Militar que o autor do crime havia saído do local e se escondido em uma mata próxima. Uma ambulância da secretaria de Saúde esteve no local e confirmou o óbito do homem, de 50 anos, que até agora não teve o nome divulgado. O caso foi repassado para a Polícia Civil, Criminalística e Instituto Médico-Legal (IML), que recolheu o corpo da vítima. Os policiais de Imbituva ainda solicitaram apoio da equipe de Guamiranga e da Rotam. O suspeito do homicídio não foi encontrado na mata. Na sequência, as equipes foram até a residência do seu pai e conseguiram localizá-lo na área externa do imóvel. Durante a abordagem, nenhum objeto ilícito foi encontrado.  

Na sede do 3º Pelotão da PM, o homem confessou a autoria do crime. Conforme os policiais, o suspeito estava sendo monitorado por tornozeleira eletrônica. No entanto, ele retirou o aparelho com uma faca e jogou o objeto no mato. Os policiais realizaram buscas na tentativa de localizar a tornozeleira, mas não tiveram êxito.  

O jovem suspeito do crime foi autuado por homicídio qualificado e encaminhado para a Delegacia de Irati, que recebe os presos de Imbituva por falta de estrutura em sua carceragem. 

PUBLICIDADE

Quer receber notícias pelo WhatsApp?


Comentários