Policial / Notícias

06/06/19 - 16h19 - atualizada em 06/06/19 às 18h02

Mulher é atingida com tiro de raspão no queixo

Autor do disparo foi detido pela Polícia Militar

Da Redação


Uma mulher foi atingida com um tiro de raspão no queixo na madrugada desta quinta-feira, por volta das 2 h, na Avenida Arlete Vilela Richa, no bairro Riozinho, em Irati.  

A Polícia Militar foi informada que um homem estava efetuando disparos de arma de fogo e que havia sido detido por moradores. Os policiais foram até o local e encontraram um homem imobilizado pelos populares, que estavam com um revólver do autor dos tiros. A arma estava com quatro munições deflagradas. Segundo uma das pessoas que estava no local, um disparo acertou uma das janelas da casa. Já uma mulher foi atingida com um tiro de raspão no queixo.  

O homem que efetuou os disparos foi detido e conduzido inicialmente até a secretaria de Saúde para realizar o laudo de lesões corporais. Em seguida, ele foi levado para a Delegacia. A arma e as munições foram apreendidas. Um morador do bairro Riozinho relatou aos policiais que frequentemente acontecem casos de perturbação de sossego no local. Ele foi orientado sobre as medidas que podem ser adotadas. O carro que pertence ao homem detido também foi encaminhado até a Delegacia. Lá, a namorada do autor dos disparos disse que foi agredida por ele com um tapa no rosto. A vítima foi conduzida à secretaria de Saúde para realizar o laudo de lesão corporal.  

PUBLICIDADE

Em Rio Azul, os policiais realizavam patrulhamento na rua Getúlio Vargas quando abordaram um veículo Corsa, com placas de Mallet, que possuía dois ocupantes. Foi verificado que o condutor não era habilitado e o carro estava com débitos na documentação. Por esse motivo, o automóvel foi recolhido ao pátio do Destacamento da PM. Para o mesmo local foram conduzidos os dois homens que ocupavam o Corsa para que fossem adotadas as medidas administrativas de trânsito.

Em Guamiranga, um senhor relatou que estava caminhando na via pública no momento que foi abordado por dois homens, que colocaram a mão no bolso de sua calça e furtaram uma carteira. A vítima afirmou que não houve ameaça e que os autores do furto não portavam armas. O homem que teve a carteira furtada não conseguiu identificar as características dos autores do fato. Os policiais realizaram buscas, mas não conseguiram localizar os suspeitos.  

Já em Ivaí, uma mulher que possuía um mandado de prisão em aberto foi detida durante operação barreira realizada no município. Ela foi conduzida até a Delegacia de Imbituva, que responde pelo município de Ivaí. A irmã da mulher detida foi solicitada para pegar o filho dela que estava na escola no momento de sua prisão. O Conselho Tutelar também foi informado sobre o fato.  

PUBLICIDADE

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Envie SIM notícias http://bit.ly/CliqueAquiWhatsSuperNajua

Por e-mail: http://bit.ly/2BiE4tC


Comentários