Policial / Notícias

08/02/19 - 01h07 - atualizada em 08/02/19 às 01h12

PC de Imbituva prende suspeito de matar taxista

Adolescente que também teria participação no latrocínio (roubo seguido de morte) foi apreendido

Da Redação, com informações PC de Imbituva

PC de Imbituva prendeu suspeito de latrocínio na quarta-feira, 6, três depois do crime

A Polícia Civil de Imbituva prendeu um homem suspeito de assassinar um taxista. Um adolescente que também teria participação no crime foi aprendido e apresentado ao Ministério Público.

O latrocínio (roubo seguido de morte) ocorreu na noite de domingo, 3, na localidade de Faxinal dos Stadler. Na oportunidade, dois homens solicitaram uma corrida de táxi até a Vila Nova, em Imbituva. Durante o percurso, eles fizeram com que a vítima seguisse mais a frente que o combinado. Ambos estavam com armas brancas (faca e facão). O taxista chegou a sair do seu veículo Ford Fiesta e tentou correr, mas foi alcançado por um dos agressores, que o matou com golpes de facão.

PUBLICIDADE

Após o crime, eles fugiram com o veículo da vítima. Porém, o motorista capotou a cerca de 1 km do local onde estava o corpo de Vanderlei Freire, de 61 anos, que residia na Vila Zezo. Os ocupantes do carro fugiram a pé em direção a uma mata e naquela oportunidade não foram encontrados pela Polícia Militar. No carro do taxista foram localizadas apenas marcas de sangue. Conforme a PM, Vanderlei teve o pescoço e pulsos cortados e estava com um ferimento na cabeça. O objeto usado para matar o taxista foi encontrado pelo perito do Instituto de Criminalística dentro do Ford Fiesta.

Clique aqui e relembre como foi o crime

PUBLICIDADE

Quer receber notícias locais? Envie whats para 42 991135618 SIM NOTICIAS ou cadastre seu e-mail na newsletter pelo site da Najuá  

Autores do crime capotaram carro roubado do taxista

Vanderlei Freire, de 61 anos, morava na Vila Zezo, em Imbituva

Taxista foi morto com golpes de facão na localidade de Faxinal dos Stadler

Comentários

Enquete

Reforma da Previdência

  • Nenhuma das respostas
  • Não deve mexer nos que ganham menos
  • Não é necessária
  • Deve ser ampla
Resultados