Policial / Notícias

20/03/15 - 23h35 - atualizada em 24/03/15 às 09h29

Quatro pessoas são presas por desmatamento ilegal em Prudentópolis

Polícia Ambiental localizou área de mais de 17 hectares de mata nativa desmatada. Flagrante ocorreu em uma propriedade na localidade de Rio Bonito
Da Redação

Quatro pessoas foram presas acusadas de desmatamento ilegal em Prudentópolis. O flagrante ocorreu na tarde de sexta-feira, 20, em uma propriedade rural na localidade de Rio Bonito.

O local onde ocorreu o desmatamento é de difícil acesso, o que dificultou a ação da polícia. Por isso, a equipe da Polícia Ambiental de Ponta Grossa realizou patrulhamento aéreo para localizar a área de aproximadamente 17,27 hectares de mata nativa que havia sido desmatada. Uma Área de Preservação Permanente (APP) de quase meio hectare também foi destruída.
 
Os quatro homens que foram encontrados na propriedade rural e não possuíam autorização para realizar o desmatamento foram presos. Segundo nota da Polícia Ambiental, os suspeitos infringiram os artigos 38, 38A, 45 e 51 da Lei de Crimes Ambientais n° 9.605/98. O dono da propriedade não foi localizado, mas também será responsabilizado.

De acordo com a Polícia Ambiental, um caminhão Mercedes Benz, dois tratores, uma motosserra, 350 metros cúbicos de lenha nativa (cedro, canela, guabiroba e angico) e 14,51 metros cúbicos de tora de cedro foram apreendidos na propriedade.

Os suspeitos foram conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil de Prudentópolis. Eles permanecem detidos, pois não tiveram direito ao pagamento de fiança devido à somatória dos artigos infringidos.

Denúncia

A Polícia Ambiental informa que árvores nativas somente podem ser cortadas com autorização dos órgãos competentes, Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (IBAMA). Denúncias de crimes ambientais podem ser realizadas no telefone (42) 3228-1581.

Fotos e vídeo cedidos pela Polícia Ambiental de Ponta Grossa




Comentários

Enquete

Você acha que existe um grande número de pessoas que recebem aposentadoria sem ter contribuído o suficiente?

  • Não
  • Sim
Resultados