Política e Eleição / Notícias

12/08/19 - 09h41 - atualizada em 12/08/19 às 09h47

Deputada Aline Sleutjes recebe demandas da região

Natural de Castro, na região dos Campos Gerais, a deputada da base governista se reuniu com prefeitos e lideranças políticas

Edilson Kernicki, com reportagem de Paulo Henrique Sava 

Deputada Aline Sleutjes (PSL) cumpriu agenda política na região no dia 2 de agosto

A deputada federal Aline Sleutjes (PSL) visitou Irati no dia 2 de agosto para cumprir agenda política. Integrante da bancada governista na Câmara, a parlamentar se reuniu com prefeitos e lideranças políticas para debater as demandas regionais. Aline também visitou a Unidade Avançada do hospital Erasto Gaertner e conversou com a direção da Santa Casa de Irati e a presidente da Associação do Núcleo de Apoio ao Portador de Câncer de Irati (ANAPCI), Terezinha Miranda Veres.

Em Fernandes Pinheiro, a parlamentar se reuniu com a prefeita Cleonice Schuck (PSB), que apresentou demandas como contratos já empenhados, mas que estão travados. “A prefeita me falou sobre alguns contratos que já estão empenhados, que já foi enviado o contrato, a documentação, as certidões, mas, infelizmente, ainda não tiveram êxito na liberação”, disse. A deputada garantiu a Cleonice que, por ser do partido do presidente Jair Bolsonaro, tem “porta aberta” com o governo federal, por ter feito um trabalho de base junto aos ministros, que poderá auxiliar para que os recursos sejam, de fato, liberados.

“Coloquei à disposição novos projetos, teremos outros recursos para o segundo semestre e as emendas que serão empenhadas em outubro, para serem liberadas no ano que vem. A prefeita já começou a estudar as necessidades do município e vai nos passar nos próximos meses, para podermos ajudar a toda a população de Fernandes Pinheiro”, disse.

CLIQUE AQUI E RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS PELO WHATSAPP

PUBLICIDADE

Na conversa com a direção da Santa Casa de Irati, foram apresentadas a ela algumas das demandas do hospital, que é referência regional em atendimento de alta complexidade. Entre as demandas, o credenciamento de um neurocirurgião, um aparelho de ressonância magnética e reforço para o custeio da entidade.

“Esse é o maior problema e não é apenas deste hospital. Em todos os que eu visito, estamos verificando a mesma situação. A tabela do SUS, infelizmente, está muito defasada e isso faz com que os atendimentos acabem ficando cada vez mais difíceis. Saúde não espera. Nenhum administrador de hospital vai deixar de atender a uma pessoa porque está com defasagem ou com dívidas. Acontece todo mês de contrair R$ 100 mil, R$ 200 mil de dívidas. E essas dívidas vão sobrecarregando as instituições. O pedido maior foi a questão de recursos para custeio e essa possibilidade do credenciamento e da ajuda para esse aparelho”, afirmou.

A deputada se comprometeu a reservar parte das próximas emendas para destinar ao hospital, ainda que sem definir valores. Quanto ao cadastramento de um neurocirurgião, ela acredita não ser uma demanda difícil de atender, em virtude de a necessidade ser comprovada, visto que a Santa Casa atende a muitas vítimas de acidentes. “Quanto mais rápido for atendido por um especialista, maior chance da condição de vida, de saúde e de diminuir o risco de sequelas para esse acidentado”, acrescentou.

PUBLICIDADE

Aline listou também as contribuições que já trouxe aos municípios da região, via emendas parlamentares. Para Irati, já foi destinada uma emenda no valor de R$ 250 mil, através do Ministério da Cidadania. Imbituva recebeu emenda de R$ 115 mil para o custeio da Saúde; Prudentópolis, R$ 250 mil para a mesma finalidade e, Rebouças, R$ 200 mil. O custeio da Saúde é elencado pela maioria dos municípios, segundo a deputada, como a maior dificuldade; ainda que muitos desses municípios consigam recorrer aos consórcios intermunicipais e convênios com entidades particulares.

No dia 2 de agosto, a deputada se reuniu com os prefeitos de Rebouças, Luiz Everaldo Zak, e de Irati, Jorge Derbli, para discutir prioridades para os municípios. “Vamos levar esses pedidos para Brasília/DF e trabalhar para resolver e melhorar a qualidade de vida de todo o pessoal de Irati e região”, assegurou.

PUBLICIDADE


Comentários