Política e Eleição / Notícias

19/12/18 - 16h41 - atualizada em 29/12/18 às 18h34

Nei Cabral é eleito presidente da Câmara de Irati

Vereador comandará Casa no próximo biênio 2019-2020

Paulo Henrique Sava

Nei Cabral exerce o terceiro mandato na Câmara de Irati e vai comandar a Casa pela primeira vez

O vereador Valdenei Cabral da Silva (PDT) foi eleito presidente da Mesa Diretora da Câmara de Irati para o biênio 2019-2020. Na mesma chapa, foram eleitos Wilson Karas (PSD) como vice-presidente; José Bodnar (Zequinha) (PV) como 1º secretário; e Alberto Schereda (PSDB) será o 2º secretário. A eleição ocorreu na noite desta terça-feira, 18, durante a última sessão ordinária do legislativo de 2018. Neste ano, a votação ocorreu de forma aberta, diferentemente de anos anteriores.

O novo presidente da Câmara disse que vai respeitar os valores éticos e terá dedicação, transparência e responsabilidade durante o período em que estiver no cargo. “Queremos trabalhar em prol do município de Irati e da população porque daqui a dois anos queremos que ela reconheça o nosso trabalho. Vamos fazer a política do jeito certo nesta cidade, contribuindo com o Executivo e com os demais vereadores. Serei um presidente ímpar nesta casa, pois precisamos trabalhar em conjunto para que possamos fazer uma Irati mais próspera, que é o que o povo quer de nós”, afirmou Nei, que foi eleito com nove votos a favor e um contrário do vereador Marcelinho Rodrigues (PP).

PUBLICIDADE

Na ocasião, o pedetista anunciou também que deixará a liderança do prefeito Jorge Derbli na Câmara. Porém, ele não explicou os motivos desta decisão. “Confesso que tem amigos, pessoas, vereadores com capacidade suficiente para assumir este cargo. Tenho certeza que o prefeito irá conversar com um dos senhores e não tenho dúvida de que o próximo líder nesta casa terá o apoio dos demais pares”, comentou.

Marcelinho disse que não concorda com a postura de alguns colegas e que não iria “aceitar orações” daqueles que não cumprem o que prometem. Porém, o parlamentar não citou nomes. “Dificilmente eu toco na questão Bíblia ou Jesus Cristo, mas eu, quando falo alguma coisa, assumo o compromisso. Às vezes a gente se pergunta ‘por que será que o meu carro tomba?’, ‘por que será que tem tanto processo contra mim?’. Será que o que realmente você está fazendo para as outras pessoas é correto? Isto não é perseguição política, mas apenas aquilo que estamos colhendo pelo que plantamos”.

Novos desafios

Um dos desafios da nova mesa diretora será a aprovação da nova Lei Orgânica, que depende da realização de audiências públicas, segundo o atual presidente Hélio de Mello (MDB). Ele sugeriu que Marcelinho apresente suas sugestões de aumento no número de vereadores e a redução dos subsídios dos parlamentares.

É só ver a qualidade dos que se candidataram na última eleição. Quando o vereador Nei Cabral comentou que irá fazer a política do jeito certo, isto me deu a impressão de que estamos fazendo errado. Ele disse também que vai ser ímpar, mas esta Mesa jamais foi tendenciosa.

Hélio de Mello (MDB)
atual presidente da Câmara de Irati

PUBLICIDADE

Sessão extraordinária

A Câmara ainda terá uma sessão extraordinária nesta quinta-feira, 20, às 10 horas, na qual, entre outros projetos, deve ser votado o orçamento do município para o exercício de 2019. Depois disso, os vereadores entram em recesso e retomam as atividades a partir do dia 05 de fevereiro.

Quer receber notícias locais? Envie whats para 42 991135618 SIM NOTICIAS ou cadastre seu e-mail na newsletter pelo site da Najuá

Nova Mesa Diretora da Câmara. Da esquerda para direita: 2º secretário Alberto Schereda, 1º secretário Zequinha, presidente Nei Cabral e vice-presidente Wilson Karas

Comentários