Política e Eleição / Notícias

24/04/12 - 00h56 - atualizada em 24/04/12 às 01h15

Vanhoni participa de inauguração dos Correios e se reúne com filiados do PT em Irati

Deputado Federal esteve em Irati na sexta-feira, dia 20
Marli Traple                                          *Edição: Jussara H. Bendhack


Na última sexta-feira, dia 20, aconteceu à cerimônia de inauguração da ampliação da agência dos Correios de Irati, onde funcionará um ponto de distribuição para dar mais agilidade no atendimento. O deputado federal Ângelo Vanhoni (PT) participou da solenidade, e aproveitou para fazer reuniões políticas em Irati e região.

Em São Mateus do Sul, ele se reuniu com partidários e também conversou com um grupo de funcionários públicos sobre o Plano Nacional de Educação.

Em conversa com a equipe da Najuá, Vanhoni disse que o PT não descarta o lançamento de candidatura própria para o Executivo iratiense. No entanto, ele mostra confiante na possibilidade de estabelecer alianças com partidos de oposição à atual gestão. O nome do presidente do diretório, Odilon Burgath, está sendo cogitado, mas a palavra final virá somente em junho, quando acontecem as convenções. “Eu acho que o partido vai buscar um conjunto de alianças para fortalecer a chapa de vereadores e a candidatura a prefeito. Se for possível uma aliança, o PT deve apresentar nomes tanto para a Câmara de Vereadores, como também nomes para a chapa majoritária”- disse o deputado.

Vanhoni conversou com a repórter Marli Traple após a cerimônia de inauguração da sede dos Correios
Vanhoni ao lado do prefeito de Irati Sérgio Stoklos e dos representantes dos Correios


Aliança PT e PDT?

Quanto à aliança entre PDT e PT, que está sendo firmada em Curitiba a favor de Gustavo Fruet, Vanhoni explicou que foi possível porque ao trocar o PSDB pelo PDT, Fruet rompeu com o grupo do governador Beto Richa. Esta coligação pode se repetir em Irati, desde que haja equilíbrio de interesses.

“Fruet convidou o PT para discutir o plano de governo e integrar a chapa majoritária, mas como é tradição já que o Partido dos Trabalhadores lance candidatura própria, ainda estamos analisando”, disse Vanhoni. Segundo o deputado, a decisão será tomada nas próximas duas semanas por filiados e pelos, aproximadamente, 300 delegados. De acordo com ele, na reunião do diretório de Curitiba que ocorreu na semana passada, os votos favoráveis apontaram para a aliança com o PDT. “Então eu quero acreditar que esse processo vai se consolidar na capital do Estado”- concluiu.

Participação das mulheres

Vanhoni lembrou que o PT é o primeiro partido na história recente do país que instituiu no seu estatuto as cotas para mulheres. Atualmente a presença feminina na direção do partido de todas as cidades é de 50%, percentual que antes era de apenas 30%. No que diz respeito à disputa para vereadores, o deputado explicou que a cota feminina será preenchida. “Se nós não acreditássemos na gestão feminina, o Brasil não teria uma presidenta que também escolheu mulheres para gerir grande parte dos ministérios”, comenta.

“Quando o país vai ganhando proporção do ponto de vista da democracia e educação, se destacam as condições de enfrentamento ao preconceito que a sociedade criou em relação às mulheres que distinguem elas no ambiente de trabalho, onde fazem a mesma função do homem e ganham menos. Nós estamos com essa visão de solidificação de mudança desta sociedade. Uma sociedade que não faça distinção de gênero, cor e nem de raça, onde as pessoas possam ser valorizadas pelo que elas são dentro da humanidade” – finalizou, lembrando que Irati dá o exemplo com Marisa Lucas como vice-prefeita.

Comentários